Av. Liberdade 129 4DLisboa

“Ó tempo volta para trás” é um dos pedidos mais frequentes dos pacientes de medicina estética.

Desde a simples limpeza de pele e massagens, passando pelos peelings, radiofrequência, infiltrações, fios e harmonização facial. Até aos lasers, radiofrequências nanofraccionadas, cirurgias e o novíssimo Tribella®. O objectivo é sempre o de atrasar o envelhecimento.

Mulheres e homens (a percentagem destes continua a crescer) olham para os seus pais e outros familiares mais velhos e vêm neles os traços mais avançados daquelas “rugazinhas” que os começam a incomodar.

E, se é verdade que os hábitos saudáveis de alimentação, exercício e cuidados influenciam a qualidade da nossa pele e os resultados dos tratamentos, é também verdade que a genética desempenha um papel importante.

Voltar atrás no tempo não é uma tarefa fácil, mas os nossos médicos-especialistas recomendam que se faça um acompanhamento regular de cada caso, para que não cheguemos ao ponto do “não quero ter as pálpebras descaídas” ou aquela “ruga de preocupação” as bochechas descaídas” “como a minha mãe” ou “como o meu pai”.

Se o problema já for flacidez, também há solução. Numa primeira abordagem, podemos optar pelas técnicas mais avançadas de radiofrequência. E, se não for suficiente, temos ainda as infiltrações de ácido poliláctico, aplicações de fios e hidroxipatita de cálcio.

O mais importante é não ficar de braços cruzados e… Sobretudo, não comparar tratamentos mais simples como massagens ou recurso a pequenos equipamentos de estética, com recursos de tecnologia médica e tratamentos de medicina estética. Há coisas em que podemos poupar. Mas, na nossa saúde e na nossa pele, não!

× Fale connosco no Whatsapp!